SÓ GOSPEL FREE SÓ GOSPEL FREE .:: SÓ GOSPEL FREE ::.: O Natal e o altar pagão
*/

Site Oficial |Trocamos divulgações |Fazemos parcerias|

quinta-feira, 14 de dezembro de 2017

O Natal e o altar pagão

  • SHOPPING CIFRAS
  • Resultado de imagem para O Natal e o altar pagão
    Eu nunca fui muito empolgado com o Natal, eu nunca acreditei em ‘Papai Noel’ e nunca perdi noites de sono esperando a noite natalina, talvez seja porque não é costume na minha família nos reunirmos nos feriados. Mas me lembro também que boa parte da minha indiferença em relação ao Natal foi herdada das pregações que eu ouvia ainda muito criança, algo sobre cultos às árvores e deuses pagãos, e também que as guirlandas natalinas eram referência ao culto de sacrifício infantil oferecido a Moloch.
    Como eu era criança e era fascinado por tudo que envolvesse mistérios e histórias antigas, fiquei muito impressionado com este discurso de tal maneira que nem precisei verificar a fundo o quão ele era verdadeiro pra tomá-lo como base para um abandono total a tudo que fosse relacionado à comemoração do Natal. Muitas igrejas da minha cidade fizeram a mesma coisa, os cultos de Natal foram acabando e o Natal só era lembrado nas pregações para ser escorraçado e jogado na lata de lixo. Até hoje sou muito indiferente ao Natal, não decorei minha casa com nada, não espero cartões e presentes e também não envio cartões para ninguém. Mas hoje eu percebo o quanto o Natal é importante para a cultura cristã ocidental.

    Muitos podem dizer que o Natal não é uma festa bíblica, que não sabemos quando Jesus de fato nasceu e que o próprio Jesus nunca pediu para comemorarmos o seu nascimento mas sim a sua morte e ressurreição. Tudo isto é fato, por isso que eu não acho que o Natal tem uma importância eclesiástica ou espiritual, mas sim uma importância cultural.

    Por mais que a celebração do Natal possa estar contaminada com o consumismo e com elementos que alguns alegam serem símbolos pagãos, é um fato que é no Natal a época que mais se fala de Jesus e de ideais cristãos como amor ao próximo, família, reconciliação, etc. E se por um lado a bíblia não nos orienta a comemorarmos nada relacionado ao nascimento de Jesus por outro lado ela também não proíbe. Além do mais, qualquer um sabe que a comemoração do nascimento de Cristo é simbólica porque não sabemos o dia correto do seu nascimento, o Natal diz mais sobre nossa gratidão por Jesus ter nascido.

    Em Atos capítulo 17 temos o relato da passagem de Paulo por Atenas e de sua pregação naquela cidade. Em sua pregação Paulo se aproveita do fato de existir no meio do santuário dos deuses pagãos um altar dedicado a um “deus desconhecido” e de maneira genial Paulo introduz e contextualiza sua mensagem utilizando a figura do “deus desconhecido” para que os atenienses tivessem um melhor entendimento a respeito de Deus.

    Através desta pregação algumas pessoas que estavam presentes creram em Jesus. O mais interessante desta passagem é que Paulo se aproveitou de um símbolo claramente pagão para pregar o cristianismo ao passo que hoje alguns cristãos estão usando uma celebração cristã para falar de paganismo. Se Paulo aproveitou um símbolo pagão para evangelizar não poderíamos nós utilizar o Natal, a comemoração do nascimento de Cristo, para falar de Jesus?

    Muitos cristãos e muitas igrejas têm dito que o Natal “é do diabo” por causa de uma suposta ligação da comemoração do Natal com o paganismo (olha que a birra nem é com o significado do Natal mas sim com a forma com que as pessoas comemoram). Dizem que a data 25/Dez era um feriado pagão e que a ‘árvore de Natal’ é uma referência a um antigo ritual pagão que utilizava árvores e, por causa disso, se você é um cristão verdadeiro você deve ser contra o Natal.

    Eu pergunto: existe algum dia no nosso calendário que nunca foi um feriado pagão? Ou ainda: existe algum dia que seja maldito no qual não possamos celebrar o nascimento de Jesus? Também pergunto que se em algum momento nos últimos 40 séculos algum objeto ou elemento da natureza tiver sido usado em um ritual pagão então ele vai ser pagão pra sempre? Porque se for este o caso já pode começar a fazer uma limpeza na sua casa e procurar por círculos, gatos, triângulos, estrelas, cachorros, aves, figuras humanas, árvores, etc porque tudo isso já foi parte de um culto pagão… e quando você juntar tudo você não pode queimar não porque fogueira é um elemento importante nos cultos pagãos antigos. (Aliás você sabia que o ‘www’ que aparece nos sites é na verdade 6 triângulos alinhados? São 6 triângulos e como cada um é uma figura de 3 lados resulta que são 3 vezes o número 6 que é o número da besta 666. Então a partir de agora internet é do diabo, melhor desligar isso!)

    Para mim, o verdadeiro e mais pernicioso satanismo está em querer retirar da nossa cultura tudo que fala sobre Cristo. Por mais que esteja deturpado por materialismo e outras coisas, o Natal ainda é o maior propagador da história de Cristo na nossa cultura. Muitas pessoas O conhecem por meio das histórias do Natal, sua vida e morte são contadas em exaustão nessa época.

    Além disso na época do Natal é muito incentivado o amor, a reconciliação familiar, a comunhão, o perdão, etc e nós sabemos o quanto estes valores têm estado em falta entre nós. Então se há algo nos símbolos natalinos que te incomoda retire-os da sua casa para sua consciência ficar em paz, mas não faça campanha contra o Natal porque ele tem sido de extrema importância para o cristianismo, quiçá seja talvez o maior propagador da história de Cristo que ainda temos.

    E o mais importante de tudo: aproveite esta excelente oportunidade para falar de Cristo, seja falando diretamente ou com a vasta quantidade de filmes, teatros e mensagens natalinas que falam da vida de Cristo. Muita gente recusaria uma pregação “formal” da Palavra mas dificilmente recusaria uma mensagem de Natal, quem sabe não é essa a última oportunidade de salvação que aquela pessoa ‘difícil’ pode ter?

    “Por isso insisto solenemente, diante de Deus e Cristo Jesus, que há-de julgar os vivos e os mortos, quando vier outra vez para estabelecer o seu governo aqui na Terra: que anuncies a palavra de Deus; que insistas nessa pregação, não só nas ocasiões consagradas a isso mas também fora delas; que corrijas e repreendas, que encorajes, com toda a paciência, os que são fracos, dando-lhes o ensino de que necessitam. Porque há-de vir uma época em que as pessoas não hão-de querer mais ouvir a sã doutrina, e procurarão acumular à sua volta mestres doutores que lhes ensinarão apenas aquilo que vai de encontro aos seus desejos e que comunicam impressões agradáveis aos seus ouvidos.” 2 Timóteo 4:1-3

    Fonte:     Gospel Prime

    0 comentários:

    Curta nossa FanPage
    OBRIGADO A TODOS OS MEMBROS E VISITANTES DESTE BLOG, CONTINUEM COMPARTILHANDO NOSSOS CONTEÚDOS, ASSIM VOCÊ TAMBÉM ESTARÁ EVANGELIZANDO. QUE DEUS OS ABENÇOE!